Drogal: a importância da Gestão Documental


Fundada há 80 anos na cidade de Piracicaba, no interior de São Paulo, a Rede Drogal atualmente conta com 114 farmácias e está presente em 42 cidades no Estado de São Paulo. Desde 2009, a empresa terceiriza seu arquivo à Técnica Gestão Documental, serviço contratado como continuidade ao processo de organização e racionalização dos arquivos que enxugou, na época, cerca de 10 toneladas de documentos.

O arquivo atende as áreas Fiscal, Recursos Humanos, Financeiro, Departamento Pessoal, Convênios e Documentos de Filiais, com um volume superior a 25.200 caixas. “A gestão do arquivo é algo muito importante, pois os documentos são consultados constantemente, seja por necessidade dos departamentos ou mesmo dos órgãos governamentais”, comenta Odair J. Silveira, Gerente de Logística da Drogal.

Segundo Odair, a gestão contínua propiciada pela terceirização assegura o total controle documental das atividades. “Assim, não temos perdas, falta ou atraso no envio dos documentos”, comenta.

Recentemente, em função do crescimento da Rede Drogal, mais um profissional foi incorporado à equipe de arquivistas da Técnica que atuam no CEDOC da Drogal, localizado em área da empresa na cidade de Piracicaba.